TIRE SUAS DÚVIDAS
COM NOSSOS ENÓLOGOS

PERGUNTAS
FREQUENTES

  • Como sei se o tipo de prato vai melhor com vinho tinto ou branco?

    De maneira geral devemos harmonizar vinho tinto com carne vermelha ou massas encorpadas, enquanto os brancos vão muito bem com peixes, frangos e frutos do mar. Queijos moles vão melhor com brancos e queijos de casca dura com tintos. O importante numa harmonização são os ingredientes usados em molhos e temperos. Podemos harmonizar um frango ou um peixe com um tinto leve (desde que esses pratos sejam mais condimentados em seu molho). Ao contrário do que muitos pensam, a melhor harmonização para o fondue de queijo é o vinho branco e não o tinto. Mas como tudo na vida, o melhor é o que te faz bem. Então as regras podem ser quebradas.

     

    Fonte: Duda Zagari e Renata Rode

  • Como devo degustar o Vinho?

    Existem alguns pontos para se apreciar e analisar um vinho. O primeiro é o aspecto visual. Vemos a cor do vinho (um tinto jovem deve apresentar uma cor mais forte, um vermelho ruby intenso, enquanto um tinto de guarda com uns 10 anos deve apresentar um vermelho mais para o tijolo). Depois devemos perceber o aroma do vinho para saber se ele está estragado ou não. Os apreciadores buscam identificar os aromas, buscando sua memória olfativa. Mexemos a taça para que esses aromas se abram, para percebermos com mais nitidez o que eles nos remetem.

     

    Fonte: Duda Zagari

  • Vinho; Quanto mais velho, melhor?

    Não obrigatoriamente. Alguns vinhos são elaborados para serem degustados com anos de maturação, como os vinhos de guarda. Existem vinhos que são elaborados para atingir sua plenitude em até 60 anos. Mas a maioria são de consumo imediato (máximo 5 anos). Algumas variáveis podem influenciar na durabilidade do vinho, como o tipo da embalagem e a forma e local de armazenamento. Existem casos, como alguns vinhos brancos por exemplo, que são melhores quando consumidos ainda frescos e jovens.